terceirizacao-em-condominio

As vantagens e os riscos da terceirização de serviços em condomínios

A terceirização de serviços em condomínios é muito comum. Mas para que o condomínio não tenha dores de cabeça é preciso ficar atento as vantagens e aos riscos desta prática. Veja abaixo alguns pontos importantes na terceirização de serviços em condomínios:

GERENCIAMENTO DE COLABORADORES

Vantagem

O síndico não precisa se preocupar com questões como faltas do colaborador ao trabalho, orientações diversas sobre a função a ser exercida e burocracias trabalhistas.

Riscos

Os riscos são alto índice de rotatividade de colaboradores, a falta de integração com os demais colaboradores do condomínio e a principal delas, a falta de segurança. É preciso estar muito atento quanto ao colaborador que será inserido nas atividades dentro do condomínio.

Cuidados

O ideal é sempre buscar referências de outros clientes da empresa a ser contratada e verificar a qualidade de prestação dos seus serviços.

ECONOMIA DA FOLHA DE PAGAMENTO

Vantagem

No cálculo dos custos anuais com a soma do 13º, das férias, horas-extras, dos gastos com uniformes e materiais de segurança do trabalho e demais custos não previstos ao longo do ano, a terceirização do serviço pode ser uma solução para a economia na folha de pagamento do condomínio.

Riscos

Em muitas situações, o serviço terceirizado pode ser de baixa qualidade. Diversas empresas oferecem aos condomínios um custo abaixo do mercado. A consequência dos baixos valores oferecidos pelas empresas é o má remuneração dos seus colaboradores, condições de trabalho precárias e colaboradores desestimulados as atividades.

Cuidados

O ideal é sempre buscar referências de outros clientes da empresa a ser contratada e verificar a qualidade de prestação dos seus serviços.

RECLAMAÇÕES TRABALHISTAS

Vantagem

A terceirização de serviços elimina possíveis riscos de reclamações trabalhistas ao condomínio, o que na maioria das vezes gera um enorme prejuízo.

Riscos

Em diversos casos, o condomínio pode ser citado em um processo trabalhista como coresponsável por situações diversas ocorridas ao colaborador inserido no próprio condomínio. Ou seja, o condomínio deve responder solidariamente no processo por indenizações e direitos que não tenham sido fornecidos ao colaborador no período de execução dos seus serviços prestados ao condomínio. Caso a empresa responsável não compareça e cumpra com a decisão estipulada no processo trabalhista, o desembolso é feito pelo condomínio.

Cuidados

O número de empresas que possuem um seguro de contra acidentes de trabalho ou reclamações trabalhistas é baixo. É sempre importante verificar qual o tipo de proteção que elas oferecem ao cliente previstas no contrato. Outro ponto importante que deve ser verificado pelo condomínio no momento de terceirização dos serviços são os documentos que comprovem a saúde financeira da empresa e qual a sua situação legal.

FALTAS AO TRABALHO

Vantagem

As empresas terceirizadas possuem colaboradores plantonistas e foguistas para cobrir possíveis faltas, fazendo com que o condomínio economize em pagamentos de horas extras.

Riscos

Podem ocorrer possíveis falhas na cobertura de faltas e folgas pela empresa contratada.

Cuidados

O condomínio deve estar atento na cobertura deste tipo de serviço no contrato de prestação de serviço. Caso a empresa contratada não cumpra com a cláusula que estipula a quantidade de colaboradores e a sua garantia em caso de possíveis faltas ao trabalho, o condomínio pode até mesmo reinscindir o contrato.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *