Coleta seletiva em condomínios: como proceder?

Coleta seletiva em condomínios

Para realizar a coleta seletiva em condomínios com cuidado e para que ela seja bem feita, é preciso um planejamento de toda a ação envolvendo a administração de condomínio, síndico e também todos os moradores. O ideal é a criação de uma comissão que cuide do assunto e que não dependa tanto do síndico para a tomada de decisões. A criação da comissão, aprovação e implementação da coleta seletiva no condomínio deve ser realizada através de Assembleia de Condomínio.

A comissão da coleta seletiva de condomínio é responsável por tratar questões como:

Se a separação dos resíduos (vidro, plástico, papel, metal, embalagens longa vida) será feita feita uma por uma ou todos os materiais serão armazenados na mesma lixeira;
­ Para não gerar confusões de separação de materiais por parte de funcionários, orientá-­los como é a forma correta da medida e mostrar quais são as cores para cada tipo de material reciclável;

­ Definir em qual local os funcionários devem retirar os materiais recicláveis como dentro da própria unidade ou em um local definido para que os moradores levem os seus próprios resíduos separadamente;
­ Em qual local do condomínio o material será armazenado até ser coletado;

­ Quem será o responsável por recolher o material reciclado do condomínio, se será uma empresa específica, cooperativas, ONG ́s etc;
­ Se o condomínio irá contar com uma consultoria especializada na implantação de programa de reciclagem em condomínios e qual será o custo e o benefício para todos;

­ Como será o trabalho de conscientização dos moradores para aderir a reciclagem do lixo.

É importante também que a comissão de coleta seletiva leve em consideração o espaço para armazenar os materiais, uma vez que, eles são inflamáveis, a grande quantidade de materiais de acordo com os dias de recolhimento que podem variar de uma a duas vezes por semana, se o ponto de armazenamento é de fácil acesso aos funcionários que farão o recolhimento destes materiais e se no município existe algum incentivo para quem deseja adotar a coleta seletiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *