Controle de pragas em condomínios: quando realizar?

Para que o controle de pragas em um condomínio seja eficaz, é preciso que o síndico ou a administradora de condomínios mantenha uma periodicidade na execução do serviço prestado e avalie qual o porte da empresa para realizá-lo.

A recomendação é de que o controle de pragas em condomínios seja feito a cada 90 dias ou semestralmente. A época ideal, geralmente, é entre outubro e novembro para condomínios que não tem condições de executar dentro do prazo acima. Estes períodos são recomendados para que o condomínio fique protegido. O controle de pragas deve ser evitado durante o verão, pois, é nesse período que os animais se reproduzem, fazendo com que o controle de pragas acabe não funcionando adequadamente.

O condomínio deverá ficar atento também quanto à empresa que realizará o serviço. Estas empresas deverão estar devidamente licenciadas, conforme a Resolução 52/2009 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e também aos órgãos sanitários e ambientais que fiscalizam este tipo de atividade.

Além disso, uma medida viável para o condomínio é a contratação de uma empresa por um período maior, fazendo com que o condomínio economize na hora do pagamento pela atividade e que haja confiança, credibilidade e fidelidade no serviço prestado.

É importante lembrar que, para a realização do serviço, o síndico ou a administradora de condomínios deverá avisar os condôminos das atividades com a antecedência mínima de 48 horas. Essa antecipação evita transtornos como a circulação indevida em locais já pulverizados e até mesmo a intoxicação devido a inalação do produto aplicado nas dependências do condomínio.

É importante que o síndico ou a administradora de condomínio faça um controle rigoroso do período do controle de pragas em uma planilha ou em software de gestão de condomínios, que seja realizada a devida comunicação no condomínio sobre os serviços prestados pela empresa e que consulte os moradores se o serviço foi ou não eficaz. Isso ajuda no momento de fidelização com a empresa de controle de pragas e se realmente vale a pena a inclusão dela no cadastro de fornecedores do condomínio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *