Quando realizar a modernização do elevador?

Quando realizar a modernização do elevador?

A modernização do elevador é algo que você deve considerar se você se preocupa com a qualidade de vida dos moradores do seu condomínio. 

Existe uma diferença entre modernização e reposição de peças, mas muitas pessoas confundem e acreditam que, com a simples troca de algumas peças defeituosas, já estão reformando o elevador

A modernização de elevadores envolve outros aspectos, além de simples ajustes corretivos do elevador. Trata-se de uma restauração mais completa, substituindo aspectos técnicos e estéticos de um elevador antigo por um mais moderno. 

Uma das principais dúvidas dos proprietários de condomínios, na  verdade, é saber quando é o momento ideal para realizar essa modernização. Como saber se um elevador precisa de um reparo simples ou precisa de uma modernização mais completa? 

Antes de iniciar qualquer modernização do elevador, se pergunte porque exatamente uma modernização pode ser necessária ou se algumas atualizações e reparos parciais bastam.

No artigo abaixo traremos todas as informações necessárias que você precisa saber antes de começar a implementar essa modernização. Confira!

O que é modernização?

O que é modernização?

O termo “modernização” para a área industrial é definida como uma “alteração” no código. 

A maioria das alterações exigirá que o restante do sistema do elevador seja atualizado para a edição de código atual. É fundamental avaliar o sistema do seu elevador para fazer a melhor escolha.

Indícios de que está na hora de modernizar

Indícios de que está na hora de modernizar

Como qualquer equipamento elétrico e mecânico, um elevador precisa eventualmente ser substituído ou completamente reparado. 

Após 25 anos, a manutenção regular pode não ser mais suficiente. Como as peças se desgastam, você pode estar pagando mais para realizar reparos. 

Pode ser mais difícil encontrar peças de reposição para um elevador antigo, por estar fora do mercado. O antigo elevador do seu prédio pode não atender aos mais recentes regulamentos de segurança e acessibilidade.

Pode ser difícil utilizar por pessoas idosas ou alguém que transporta peso, como sacolas. Pode estar consumindo mais eletricidade do que uma solução moderna. Além disso, um elevador gasto, apertado e pouco atraente diminui a valorização do seu imóvel.

Existem alguns indícios que avisam quando é hora de realizar a modernização do elevador, dentre eles:

  • Os elevadores do prédio começam a apresentar problemas com frequência;
  • O custo de trocas de peças dos elevadores na manutenção corretiva aumenta consideravelmente;
  • Você tem dificuldade de encontrar peças para reposição que correspondam ao modelo do seu elevador;
  • Há um aumento do consumo de energia por conta do elevador;
  • Os elevadores não têm proteção contra oscilações de energia;
  • Os desníveis entre andares e cabine são constantes e atrapalham os condôminos;
  • O ruído dos elevadores aumentou mais do que o normal;
  • Faltam sistemas de segurança mais atualizados e robustos;
  • Não existe acessibilidade nos elevadores.

Cinco coisas para verificar no seu elevador

1. O seu elevador costuma estar fora de serviço?

Um elevador modernizado reduz os custos com conserto.

2. Possui portas manuais pesadas?

As portas automáticas são mais seguras, silenciosas e mais fáceis de usar.

3. O elevador não está nivelado com o piso?

O nivelamento desigual representa um risco à segurança de passageiros. Fique atento.

4. A cabine é pequena e apertada?

Um novo elevador pode aumentar o espaço da cabine em até 50%.

5. O interior está em mau estado?

Um novo e inteligente elevador aumenta a valorização de um imóvel e traz mais qualidade de vida aos moradores. 

Se seu condomínio começar a apresentar pelo menos três desses problemas, é hora de considerar contratar uma empresa especializada em modernização de elevadores.

Importância da modernização do elevador para moradores

Importância da modernização do elevador para moradores

Os moradores de um condomínio residencial ou profissionais de um prédio comercial precisam contar com um elevador funcional. Ter um elevador eficiente, que não apresenta problemas é o mínimo que um edifício deve oferecer aos usuários que transitam no local. Os condôminos que pagam as taxas em dia não devem se sentir lesados pela falta de manutenção. 

Essa deve ser uma preocupação constante dos responsáveis pelo condomínio. Deve-se realizar devidamente todas as manutenções preventivas em intervalos regulares e começar a estipular um prazo e estabelecer orçamento para uma possível modernização do elevador.

Ter um elevador mais moderno é importante para gerar mais satisfação dos usuários, mas vai muito além disso, pois é uma forma de garantir a segurança do seu condomínio e evitar acidentes ou lentidão.

Vantagens de modernizar elevadores

Vantagens de modernizar elevadores

Existem algumas vantagens de se reformar um elevador, como já mencionamos acima. A modernização de elevadores deve ser encarada como um investimento, uma vez que irá agregar mais valor a um imóvel. Cabe ao proprietário arcar com todos os custos disso. 

Além da valorização, outro ponto importante a destacar é a redução de despesas. Já é fato conhecido que um elevador moderno gera menos despesas do que um antigo que precisa passar por constantes manutenções. 

Já mencionamos, mas vale a pena reforçar que gerar mais segurança para todos é indispensável para reduzir riscos de falhas, interrupções e acidentes.

Outro benefício de um elevador moderno são as viagens mais agradáveis entre os andares, sem trancos ou ruídos chatos.

A modernização de elevador também permite que o elevador se torne mais acessível a pessoas com alguma deficiência ou mobilidade reduzida.

Uma última vantagem é a contribuição ao meio ambiente. Você sabia que elevadores modernos ajudam a reduzir a emissão de CO2 no planeta? Pois então, mais um motivo para você considerar a troca. 

Áreas de preocupação durante a modernização de um elevador

Áreas de preocupação durante a modernização de um elevador

Há muitos fatores a serem considerados ao determinar a modernização de elevador e muitas decisões estratégicas que precisam ser avaliadas com cuidado.

Como os elevadores interagem com muitos outros serviços de construção, cada decisão pode ter impacto em outros aspectos de uma instalação. O planejamento é a melhor maneira de reduzir erros ou consequências que trarão mais despesas.

Os gerentes das instalações devem ter em mente outros sistemas de construção durante uma modernização do elevador, como: 

  • Atualizações da linha principal: classificação, amperagem, composição, sensores.
  • Integração de sistemas de alarme de incêndio e fumaça.
  • Mudanças de energia de emergência (os modernos acionamentos de elevador podem não funcionar bem em alguns geradores).
  • Sistemas HVAC de climatização em salas de máquinas de elevadores (geralmente é necessário um aumento da refrigeração).
  • Aterramento para desempenho.
  • Escadas de poço, bombas de poço, ralos, iluminação e atualizações de código elétrico.

Qual a diferença entre manutenção, reparo, substituição e modernização?

Qual a diferença entre manutenção, reparo, substituição e modernização?

Para elevadores, manutenção significa um diagnóstico de rotina, lubrificação, limpeza e ajuste de peças, componentes ou subsistemas com o objetivo de garantir o desempenho de acordo com os requisitos de código aplicáveis. 

Reparo refere-se ao recondicionamento ou renovação de peças, componentes ou subsistemas necessários para manter o equipamento em conformidade com os requisitos de código aplicáveis. 

A  substituição significa a troca de um dispositivo, componente ou subsistema, em sua totalidade, por uma unidade que é basicamente a mesma que a original, com a finalidade de garantir o desempenho de acordo com os requisitos de código aplicáveis. 

Por exemplo, um motor de elevação rebobinado é um reparo, um novo motor de elevação com as mesmas características é uma substituição e um novo motor de elevação com novos controles, recursos ou funções é uma modernização.

Ao contrário de um novo projeto de construção, as modernizações de elevadores raramente são projetadas pelo arquiteto ou engenheiro que está projetando todo o edifício.

Mitos e Verdades

Mitos e Verdades

Quando o assunto é modernizar elevadores muitas são as afirmações feitas e, nem sempre, essas frases têm fundamento ou são verdadeiras. Abaixo listamos algumas frases e desmistificamos o que é mentira e reforçamos o que for verdade. Tire suas dúvidas abaixo!  

Elevador é o principal culpado pelo gasto de energia elétrica

Depende. Não há uma resposta única, uma vez que elevadores mais antigos possuem mais gasto de energia do que elevadores modernos. Portanto, se um elevador for antigo, ele gasta mais, mas se ele for mais moderno você terá pouco custo com isso. Tudo vai depender do seu modelo de elevador. 

Manutenção preventiva reduz gastos gerais

Verdade. Se um elevador tiver com a manutenção em dia, com tudo em ordem, certamente o custo será menor. Certas falhas podem sobrecarregar a rede e gerar um gasto adicional de energia elétrica, além do gasto com peças e consertos frequentes que podem pesar no orçamento do condomínio. 

Qualquer empresa pode realizar manutenção

Mito. As empresas prestadoras de serviços precisam ter a concessão fornecida pela prefeitura e também pelo CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia). É indispensável também que, acompanhando os técnicos, haja ao menos um engenheiro responsável para que todas as alterações sejam realizadas de acordo com as normas. 

Desligar um dos elevadores durante a noite economiza energia

Mito. Se você desligar um elevador durante a noite, o que está funcional terá que trabalhar em dobro, o que não gera nenhuma economia. Á longo prazo isso pode inclusive resultar em redução da vida útil do elevador, uma vez que ele ficará sobrecarregado. 

Custo de modernizar os elevadores do condomínio

Custo de modernizar os elevadores do condomínio

A modernização é um investimento que o proprietário tem a responsabilidade de arcar e não o inquilino. O valor pode variar muito dependendo dos equipamentos que serão substituídos. O custo de uma modernização pode variar de R$ 50 mil até R$ 300 mil. 

Esse valor varia, pois o custo irá depender de cada intenção de projeto. A modernização de elevador pode ser personalizada de acordo com a necessidade de cada condomínio. 

Obviamente o valor acima é apenas uma estimativa, uma vez que o valor também pode oscilar de acordo com as peças que serão necessárias trocar ou adicionar, a infraestrutura do condomínio, o desgaste dos equipamentos e o custo de vida da região em que o prédio está localizado. 

É importante escolher uma empresa de manutenção de elevadores de confiança para que passe um orçamento confiável e realize um trabalho de qualidade. 

Atenção a possíveis problemas

Atenção a possíveis problemas

Uma modernização de elevador geralmente causa problemas para os proprietários durante o projeto e, às vezes, após a conclusão.

Isso se deve em parte ao fato de o código do elevador exigir mais trabalho (HVAC, trabalho elétrico, estrutural) do que um contratante de elevador típico é treinado para fazer.

Outro problema em potencial ocorre quando um empreiteiro de elevadores alega que o equipamento está obsoleto. Os gerentes das instalações devem ter cuidado ao aceitar tais reivindicações. Na maioria das vezes, as peças de reposição podem ser adquiridas em muitas fontes respeitáveis, incluindo o fabricante do equipamento original.

Uma terceira fonte possível de problema é que até metade do valor da proposta de reparo ou modernização de um contratado pode incluir o trabalho já coberto no contrato de manutenção existente. Uma análise cuidadosa do contrato de manutenção deve verificar o que está e o que não está incluído. 

Como a Espel pode te ajudar?

  • Os técnicos da Espel realizam uma inspeção gratuita e sem compromisso para você.
  • Fazemos recomendações de melhoria. Isso pode variar de pequenos reparos até uma substituição e modernização completa.
  • Oferecemos facilidade de pagamento. 
  • Fornecemos informações sobre regulamentos, subsídios e autorizações.
  • Um técnico da Espel irá realizar uma completa inspeção do seu elevador. Com base nessa avaliação apresentaremos um laudo e traremos a solução ideal para o seu condomínio.

Bônus: 5 formas de reduzir o consumo de energia

Bônus: 5 formas de reduzir o consumo de energia

1. O escurecimento da sinalização economiza eletricidade.

2. Iluminação e ventilação em espera reduzem a energia.

3. As luzes LED consomem menos energia e duram muito mais do que as tradicionais.

4. Os sistemas regenerativos recuperam energia e produzem eletricidade.

5. Um elevador moderno pode significativamente reduzir o consumo de energia.

Portanto, entender a modernização requer um entendimento claro de manutenção, reparo e substituição. Por isso que essa decisão deve ser tomada por profissionais com conhecimento técnico e especializado. 

Ao modernizar seu elevador, você o torna mais seguro e mais conveniente. O elevador é a primeira coisa que os compradores de imóveis avaliam quando veem conhecer um apartamento ou sala para locação comercial. Ele causa uma boa impressão e valoriza seu empreendimento. Comece a modernizar e obtenha todos os benefícios associados!

Guestpost produzido pela Espel Elevadores, empresa especializada em modernização de elevadores.

Gostou do texto? Não gostou? Comente abaixo!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *